Arte Livros

A sobrinha do poeta

30 de janeiro de 2015

IMG_7324

Meu quarto livro de 2015.

Uns escritos deixados nos livros da sexta prateleira de baixo para cima da sexta estante da janela de vidro bisotê por um autor desconhecido envolve toda a cidade numa trama de muito mistério.  Com uma narrativa poética, cravejada de sotaque mineiro, típico de Stella Maris Rezende,  somos conduzidos à uma fascinante história de suspense que nos instiga, prende a atenção e não nos deixa largar o livro até o final. E que final!! Como sempre a autora consegue nos fascinar com desfechos esperados/desejados e nos surpreender com outros tão inusitados.

Embora seja um livro infanto juvenil e eu já não me enquadre nesta categoria, adorei o livro assim como todos os outros desta trilogia (A Mocinha do mercado central, A sobrinha do poeta e As Gêmeas da família). Aliás, precisamos quebrar esse estigma – se é que ele existe – de que você já passou da fase de ler esse tipo de livro. Engana-se quem pensa assim pois para os jovens é uma historia que pode vir a incentivar mais sua leitura e para os não tão jovens é uma maneira de voltar a viver e sentir esses momentos nem que seja por quanto durar sua leitura.

Recomendo e minha nota é 8.

Título: A sobrinha do poeta
Autora: Stella Maris Rezende
Editora: Globo Livros
Paginas: 182

You Might Also Like

Nenhum Comentário

Deixe um Comentário

❣ Tem um site? Escolha um de seus últimos posts para aparecer após seu comentário!
%d blogueiros gostam disto: